Mensagens Papai Noel - Frases de Feliz Natal

 

 

 

Manchester City quer pagar R$ 1,3 bi por Messi, diz agência de marketing

 

 

Manchester City pode fazer de Lionel Messi o jogador mais caro de todos os tempos. Em entrevista ao canal espanhol "Neox", o diretor da agência de marketing esportivo EuroAméricas, Gerardo Molina, afirmou que o clube fez contato com a família do argentino para comunicar que planeja investir € 400 milhões (R$ 1,3 bilhão) para tirá-lo do Barcelona.

De acordo com Molina, um representante da equipe inglesa conversou na semana passada por telefone com um membro da Messi Management (empresa criada pelo pai de Messi para gerir os negócios do filho) para fazer a sondagem.

Segundo o diretor da agência de marketing esportivo, o valor seria o total do investimento para pagar ao Barcelona e também inclui os salários do camisa 10 por cinco temporadas. A contratação de Messi seria a prioridade do bilionário sheik Mansour bin Zayed Al Nayhan, dono do time de Manchester.

Recentemente, o craque disse ao jornal argentino "Olé" que não descartaria deixar o Barça no futuro, o que gerou uma série de especulações sobre o destino de Messi. Porém, o clube e a família do jogador em seguida afirmaram que não pretendem desfazer a parceria.

Notícia sobre salário de Tite aumenta guerra entre o grupo da situação

 

As informações de que Tite havia acertado sua volta ao Corinthians para receber um salário de R$ 700 mil só aumentaram o racha político no grupo da situação. A suspeita é de que a ala ligada ao atual presidente Mário Gobbi tenha soltado a notícia para a imprensa numa tentativa de atrapalhar a campanha de Roberto de Andrade, favorito a vencer a eleição de fevereiro. Vale lembrar que as partes ainda não chegaram a um acordo. A última proposta foi de R$ 400 mil

Na teoria, eles fazem parte do mesmo grupo, mas, na prática, não se entendem há mais de um ano. A crise começou no processo que culminou na saída do técnico Tite e na contratação de Mano Menezes, no fim de 2013. Andrade, na época diretor de futebol, era contra a mudança. Gobbi, porém, fez valer seu maior poder e deu a palavra final para a troca. 

A divulgação caiu como uma bomba no Parque São Jorge. Ilmar Schiavenato, Antônio Roque Citadini e Paulo Garcia, outros candidatos à presidência, se mostraram contrários aos termos, sobretudo pelo momento financeiro do clube não ser dos melhores – o Timão chegou a atrasar o pagamento dos direitos de imagem ao longo desta temporada. 

Na análise feita pela ala contrária, o grupo de Gobbi queria dar uma resposta pelos últimos passos dados por Roberto de Andrade. O candidato vinha negociando com alguns jogadores sem o conhecimento do presidente. O goleiro Danilo, da Chapecoense, estava acertado com Andrade, mas, ao saber da informação, Gobbi decidiu vetar o acordo por considerar que o clube não necessita de atletas para a posição.

A relação entre Gobbi e Tite também está estremecida desde a saída do treinador. Tanto que o presidente autorizou Andrade a conversar com o técnico sobre o retorno e até agora não se envolveu no assunto. A negociação evoluiu nesta semana, mas ainda não está fechada – o acerto pode ocorrer até domingo, após um encontro entre o técnico e o empresário Gilmar Veloz, em Porto Alegre. 

Tite e Andrade, aliás, negam com veemência que a oferta salarial chegue perto dos R$ 700 mil. De acordo com o que apurou o GloboEsporte.com, o valor é de R$ 400 mil, abaixo do que o treinador recebia em 2013 - e inferior também aos vencimentos de Mano Menezes nesta temporada (aproximadamente R$ 600 mil). 

O Corinthians tem pressa para decidir quem será seu novo treinador. A ideia do clube é divulgar a contratação nesta segunda-feira para que o técnico possa começar a participar das negociações para renovar o elenco. Até agora, o Timão está apalavrado com o lateral-direito Edilson, ex-Botafogo, e o volante Cristian, ex-Fenerbahce, da Turquia.

 

 


Marechal Deodoro vivendo um novo tempo

 

 

Tem Sempre uma obra pertinho de voçê !!!         

 

MARECHAL DEODORO

UMA CIDADE HISTÓRICA

PRAIA DO FRANCÊS

MARECHAL DEODORO - AL

CIDADE SIMBOLO DE AMOR E LIBERDADE

VENHA CONHECER E CONFERIR
AS BELEZAS DE NOSSA TERRA.

 

Paternalismo e modelo empresarial levam futebol catarinense ao ápice

O futebol catarinense terá, em 2015, mais representantes que o Rio de Janeiro na Série A do Campeonato Brasileiro. Joinville e Avaí subiram e se juntarão a Figueirense e Chapecoense na elite, que, pelo segundo ano consecutivo, terá três cariocas: Flamengo, Fluminense e Vasco. Fato impensável há pouco tempo atrás. Por quê?

Há explicações de todo tipo: a implantação do modelo empresarial de gestão nos clubes, a concentração da economia no interior do estado, a existência de uma associação que caminha paralelamente à federação local e uma administração paternalista, em que o principal dirigente dá conselhos, veste todas as camisas e faz discursos no vestiário.

Delfim de Pádua Peixoto Filho comanda a Federação Catarinense de Futebol desde 1985. Está no sétimo mandato depois de ser deputado estadual e presidente do Marcílio Dias, time de sua cidade, Itajaí. Antes mesmo de ele tomar o poder, participou da fundação de uma associação de clubes que, até hoje, tem influência direta no dia a dia do futebol local.

Pelas palavras dos dirigentes, pode-se dizer que a associação toma decisões, e a federação, com poder legal, as referenda. Incorporar Sandro Meira Ricci à arbitragem local, por exemplo, passou pelo crivo dos presidentes. Cotas de televisão são discutidas ali. As fórmulas de disputa do campeonato estadual também são sugeridas por eles e, normalmente, aceitas.

- A associação é um órgão que consulto às vezes. Eu não decido sozinho, me reúno com eles antes do conselho arbitral. Serve para juntar o pessoal - disse Delfim.

Mas de que maneira esse órgão interfere na ascensão dos catarinenses? A associação ajudou a dar uma condução homogênea dos clubes. Cada um com sua característica, claro, mas debaixo de conceitos empresariais. Quase todos os presidentes são influentes em negócios locais. É o caso de Nereu Martinelli, que toca o Joinville, atual campeão da Série B, e é dono de uma das grandes empresas de auditoria do país.

- Gastamos só o que podemos gastar. Todos os salários e premiações estão em dia. Neste mês, vamos pagar mais R$ 300 mil, a diferença pelo título. Ainda não fechamos o orçamento de 2015 porque não sabemos o valor das cotas, mas há muito do lado empresarial na gestão dos clubes de Santa Catarina - explicou.

Antes de assumir a presidência, Nereu foi diretor de futebol. Diz que encontrou a equipe jogando com a camisa de um clube de Jaraguá do Sul e com as categorias de base terceirizadas. Valoriza a construção de um centro de treinamento e algumas medidas, como plano de saúde a todos os jogadores (com dependentes), que também se tornaram sócios da parte social.

Para disputar a Série A, depois de 28 anos, ele já renovou o contrato de oito titulares, aposta de peças estratégicas como o técnico Hemerson Maria, o auxiliar Ramón Menezes, exímio cobrador de faltas nos tempos de jogador, e o superintendente César Sampaio, de extenso e glorioso currículo.

utras sugestões de Delfim são mais didáticas: investir nas categorias de base e não contratar jogadores veteranos. Ele explica:

Esses jogadores (veteranos) acabavam a carreira no Rio ou em São Paulo e vinham pra cá aproveitar as delícias da praia. Jogavam um ano e iam para o boteco
Delfim Pádua Peixoto Filho, presidente da FCF

- Esses jogadores acabavam a carreira no Rio ou em São Paulo e vinham pra cá aproveitar as delícias das praias de Santa Catarina. Jogavam um ano, iam para o boteco e não rendiam.

Brillinger quer aumentar a influência empresarial na administração do Figueirense. Por lá, nem tudo são flores. A dívida de R$ 56,8 milhões incomoda, e há uma forte cobrança de opositores pela situação financeira. Na última sexta-feira, ele apresentou um projeto de gestão compartilhada entre o clube e uma empresa a ser criada no modelo de Sociedade Anônima.

Essa empresa assumiria as dívidas do clube e teria 15 anos para dar retorno aos investidores. O presidente diz que só será candidato à reeleição no pleito do próximo dia 16 caso esse projeto tenha aceitação.

- Quero transformar o Figueirense num clube-empresa, desvincular o futebol porque tenho investidores interessados na marca Figueirense. No modelo atual, ninguém vem. Dessa forma, poderemos montar um elenco mais qualificado, crescer a torcida, sem perder o comando da gestão.

A ambição do Figueirense contrasta com a cautela adotada pelo presidente da federação. Num jantar com os presidentes dos quatro clubes da Série A, mais o Criciúma, rebaixado para a segunda divisão, Delfim de Pádua Peixoto Filho voltará a determinar que a maior preocupação será manter-se na elite.

- Direi o que já digo há anos: vamos devagar. Se pudermos continuar crescendo, uma hora vamos disputar coisas maiores.

 

Rogério Ceni cogita se aposentar no fim de 2015: ' Está condicionado à conquista da Libertadores'

O goleiro artilheiro Rogério Ceni falou sobre o ano de 2015, que deve ser o último de sua carreira, nesta segunda, no programa Bem, amigos, do Sportv. Eleito o craque da galera, o São-paulino foi direto ao revelar que sua renovação de contrato com o Tricolor foi baseada no que ele ainda pode fazer pelo clube. Questionado se vai atuar como titular no próximo ano, Ceni foi enfático.

- Eu me preparo para isso, renovei pra isso (ser titular). Perguntei, antes de renovar o contrato, à diretoria do São Paulo qual era o interesse: Se era pelo passado ou pelo que eu podia propiciar no futuro. A resposta de todos era pelo o que eu poderia fazer no futuro. A partir de amanha, já começo uma preparação especial, pra poder, diante da Copa Libertadores da América, minha 11ª participação na Libertadores da América, enfrentar meus parceiros de profissão e adversários de campo. Só de brasileiro já é dificil de ganhar, juntando com os argentinos, fica mais dificil ainda. - explicou Ceni

O goleiro ressaltou que a prorrogação de seu vínculo até o fim de 2015 está condicionada à conquista da Libertadores. Rogério demonstrou que seria um 'prazer' disputar novamente um Mundial de Clubes.

- O Contrato vai até 6 de agosto 2015, e é muito condicionado ou não a uma conquista de uma Libertadores. Pra mim seria um prazer muito grande (ser campeão), mesmo sabedor das dificuldades que existem pra conquistar um campeonato como esse. Seria um prazer disputar um mundial novamente. - encerrou


 

 

 

O PREFEITO CRISTIANO MATHEUS , CONTINUA REALIZANDO UM BELÍSSIMO TRABALHO EM MARECHAL DEODORO !!

POSTADO EM 18/01/2014

 

 

 

 

 

 

 

 




CASAMENTO COLETIVO EM MARECHAL

Você que já vive em regime de união estável e pretende se casar sem a despesa do cartório, a oportunidade é agora. No próximo dia 09 de maio, a prefeitura de Marechal Deodoro realiza mais uma edição do programa Prefeitura Perto de Você.

Neste dia a equipe da Secretaria de Assistência Social, estará fornecendo documentos grátis como CPF, RG, carteira de trabalho e outros serviços como corte de cabelo, palestras, alem do casamento coletivo. Mas para participar do casamento coletivo, os interessados devem comparecer ate a próxima sexta-feira na sede da secretaria, na rua Tavares Bastos, em frente a prefeitura com todos os documentos pessoais. O horário de atendimento é das 8h as 14h.

 

 

 

 

 

 

SECRETARIA DE EDUCAÇÃO MOSTRA Á ALUNOS O USO EFICIENTE E SUSTENTÁVEL DE ENERGIA ELÉTRICA

A prefeitura de Marechal Deodoro, através da Secretaria de Educação, numa parceria com a Eletrobrás e o Instituto Efort, realizou na cidade uma edição do Projeto Luz do Saber.

Durante onze dias, as crianças matriculadas na rede municipal de ensino, participaram de dinâmicas pedagógicas que lhes ensinaram o uso eficiente e sustentável da energia elétrica. Além das palestras que assistiram, os alunos também receberam kits com material didático.

Os instrutores e professores que acompanharam as crianças, observaram que o que mais lhes chamou atenção foram as exposições práticas com exemplos do uso de energia eficiente da energia elétrica, sua propagação e fontes. Tudo isto, realizado dentro de uma unidade móvel (ônbius) que leva o projeto para diferentes cidades do nordeste.

A representante da secretaria municipal de educação, e uma das coordenadoras do projeto na cidade, Taciana Lessa, comentou que “estes eventos são muito importante para os alunos,. Pois além de fortalecer o conhecimento estudado em sala de aula, demonstra na prática, como podemos reduzir o consumo de energia, evitando desperdícios e contribuindo para um planeta mais sustentável.”, disse Taciana.

 

PRAIA DO FRANCÊS ESTÁ ENTRE AS MAIS LIMPAS DO ESTADO

As águas da Praia do Francês, em Marechal Deodoro, estão entre as que apresentam melhores condições de balneabilidade no Estado de Alagoas. A informação é do departamento técnico do IMA – Instituto de Meio Ambiente, que recolhe amostras e monitora a qualidade das águas das praias alagoanas.

O último relatório do IMA analisou 20 pontos entre o litoral norte a sul do Estado, inclusive Maceió. Destes, onze estão impróprios para banho. As amostras analisadas da Praia do Francês apontam que em Marechal Deodoro os banhistas desfrutam das águas com os melhores  índices de balneabilidade. O documento é um dos instrumentos utilizados para monitorar as áreas próprias e impróprias para banho, além de indicar possíveis irregularidades.

O relatório produzido, pela Diretoria de Laboratório, segue os padrões definidos pela resolução 274/2000 do Conselho Nacional do Meio Ambiente (Conama). As amostras foram coletadas nos dias 07 e 08 de janeiro, quando houve incidência de chuvas. A classificação, quanto a própria ou imprópria, é definida pelo Número Mais Provável (NMP) de Coliformes Termotolerantes (fecais) por 100ml de água, durante o intervalo de cinco semanas.

BOA NOTÍCIA

O relatório do IMA é visto com entusiasmo pelos ambientalistas e o trade do turismo de Marechal Deodoro, que detém um número considerável de leitos ofertados em pousadas e hotéis na Praia do Francês.

Alexsandro Santos Silva, 28 anos, há quinze pratica surfe no Francês. “É claro que ficamos satisfeitos com esta notícia. Pois a galera que surfa aqui vem de várias partes do nordeste. Ao mesmo tempo que ficamos tristes em saber que em outros lugares não há o cuidado que se tem com a água aqui”, comenta.

O empresário hoteleiro Mauro Vasconcellos também vê com entusiasmo o resultado da análise do IMA. Para ele, é importante que os diversos setores da sociedade e também públicos, continuem tomando ações para manter a praia como está.

“Pois praia limpa e ideal para o banho é sempre um bom referencial para o turismo. E não podemos perder isto, por razões ambientais e também turísticas”, comenta. Para ele, é preciso ter cautela quanto aos locais onde o resultado foi diferente. Pois afinal de contas o turista com sua família escolhe uma região como destino. E não somente um ponto do litoral. “Por isto é importante dar atenção à questão como um todo”, conclui.

 
 

PREFEITURA FIRMA CONVENIO PARA REFORMA DE IMÓVEIS PARTICULARES DO SÍTIO HISTÓRICO

A prefeitura de Marechal Deodoro acaba de firmar convênio com do Iphan para a reforma dos imóveis particulares que fazem parte do sítio histórico tombado da cidade. Veja abaixo o edital para a seleção de propostas. E fique atendo para os prazos. Mais informações, com a arquiteta Fernanda Gueiros, pela manhã, na casa de Câmara e Cadeia.

 

PREFEITURA MUNICIPAL DE MARECHAL DEODORO

AVISO DE SELEÇÃO PUBLICA Nº 01/2014

 

Está aberto até o dia 27 de maio de 2014, às 9:00 horas,edital de seleção para apresentação de propostas para recuperação de imóveis privados no centro histórico de Marechal Deodoro (AL). A ação, que é realizada em parceria entre o Instituto do Patrimônio Histórico e Artístico Nacional (IPHAN), a Prefeitura de Marechal Deodoro e o Banco do Nordeste, visam à recuperação do patrimônio edificado, de propriedade particular, por meio da concessão de um financiamento sem juros para a população da área tombada.

Podem ser financiadas obras de recuperação ou adequação em fachadas ou coberturas, de estruturas, das instalações elétricas, hidrossanitárias e de prevenção de incêndio, bem como intervenções que visem melhor adequar os imóveis com relação às condições de insolação e ventilação. Também podem ser financiados os custos relativos à elaboração dos projetos de arquitetura e engenharia relacionados às obras propostas.

Podem apresentar propostas pessoas que tenham a posse do imóvel (proprietários, inquilinos, promitentes compradores, comodatários, usuários por pelo menos cinco anos contínuos), parentes (mãe, pai, filhos e irmãos), cônjuges ou sócios de pessoas jurídicas que formalmente utilizam o imóvel. Os interessados devem procurar a Secretaria de Cultura de Marechal Deodoro, que funciona na antiga Casa de Câmara e Cadeia, à Rua Tenente José Tomé s/nº, esquina com o Largo da Matriz. Outras informações podem ser obtidas pelos telefones (82) 3263.2608 ou pelo e-mail cultura@marechaldeodoro.al.gov.br.

 

A abertura das propostas será em sessão pública no dia e horário acima mencionados.

Fernanda Santana Gueiros

Presidente da CES

                                                                                             

D´ LIRIO SEX SHOP

 

Sex Shop

Antenada com as constantes mudanças de conceitos para os novos tempos.
Em parceria com os maiores fabricantes, distribuidores e importadores
do país, Oferecemos aos nossos clientes uma grande variedade de
produtos e acessórios para todos que buscam sensualidade e satisfação
plena. Aqui você tem a oportunidade de apimentar cada vez mais o seu
relacionamento, esteja você casado(a), namorando ou solteiro.

contatos: delirandoporvc@gmail.com/ telefone: 8805-1036

Açeitamos todos os cartões de credito(menos o hiper no momento).

Faça ja seu pedido.

Serviço diferençiado D'lirios sex shop:atendimento exclusivo com hora marcada(vamos ate sua casa ou escritorio)

Ligue ja 8805-1036 e agende sua visita

 

Macaé cala mais de 38 mil torcedores do Papão e fica com o título da Série C

 

Mais de 38 mil torcedores se calaram e viram o Macaé surpreender o Paysandu e conquistar o título da Série C do Brasileiro depois do empate em 3 a 3 neste sábado, dia 22, no Estádio Olímpico do Pará, o Mangueirão. Como o time do Rio de Janeiro marcou mais gols na casa do adversário, acabou beneficiado com o placar e ficou com a taça. O confronto, no entanto, foi digno de uma final e sobrou emoção durante todos os 90 minutos.

Zé Antônio, Ruan e Rômulo marcaram para os bicolores. João Carlos, duas vezes, e Diego Corrêa, assinalaram para o Macaé. A decisão, curiosamente, foi decidida pelas duas equipes que conquistaram a classificação para o mata-mata na última rodada

Partida teve chuva de gols

Sem dois zagueiros titulares e o homem de referência no meio-campo, o Paysandu perdeu em criatividade, mas apostou na velocidade e habilidade de Bruno Veiga para surpreender o adversário. O time paraense até conseguia criar algumas oportunidades de gol, mas nada com tanta objetividade. Já o Macaé, que começou tímido, se mostrava organizado do meio para frente e assustou pelo menos três vezes, com chances reais de inaugurar o marcador. Faltou ajustar a pontaria. 

A equipe do Rio de Janeiro permaneceu aproveitando os contra-ataques, com descidas rápidas pelas laterais, mas pecava no último passe, no toque final para João Carlos, que era quem mais se apresentava na área. A partida ganhou ares de final depois que o Papão abriu o marcador e o Macaé não se deixou abater. O time Alvianil conseguiu o empate e por pouco não virou em duas boas chegadas de Juba. Yago Pikachu ainda protagonizou um lance de placa no final do primeiro tempo. 

Na volta para os 45 minutos finais, o técnico do Paysandu alterou o time. Lenine, apagado durante a etapa inicial, deu lugar ao atacante Rômulo. Ruan, que estava adiantado, acabou recuado para fazer a função de um meia-atacante. Deu certo por hora. Em um arremate na entrada da área, ele marcou o segundo dos bicolores. A vantagem do Papão durou pouco. Em tarde inspirada, João Carlos deixou tudo igual, obrigando o adversário a se atirar o ataque. 

Mazola, então, fez nova mexida. Tirou um volante e colocou Djalma, jogador de meio-campo. O jogo pegou fogo de vez aos 23 minutos da etapa final. Rômulo, de letra, marcou o terceiro do Papão e inverteu a vantagem novamente. Em uma falha de Paulo Rafael, o Macaé conseguiu o empate outra vez. Depois disso, Josué Teixeira colocou um zagueiro para se proteger e o técnico do Papão mandou chamar o quarto atacante. Não havia mais tempo. Macaé campeão da Série C 2014.

 

Pesquisa: Barça tem mais fãs na web, e Corinthians lidera no Brasileirão

 

Pelo menos nas redes sociais, o Barcelona é o clube mais querido do mundo. Em pesquisa realizada pela revista alemã “Digital Sports”, os catalães aparecem com o maior número de fãs na Internet, somando plataformas como Facebook, Twitter, Google+, Youtube e Instagram. Ao todo, o chamado “alcance digital” de Neymar, Messi e companhia chega a 117 milhões de torcedores. 

Em seguida vem o rival Real Madrid, com 108 milhões, e o Manchester United, mais distante, com 70 milhões. Entre os clubes brasileiros, a dupla Corinthians e Flamengo aparece com destaque, em 15º e 16º, respectivamente. O Timão tem 13,1 milhões de fãs, enquanto o Rubro-Negro conta com 11,7 milhões. 

Curiosamente, na China, um dos mercados mais importantes para os clubes de futebol europeu, a história é diferente: os rivais de Manchester ocupam as duas primeiras posições, com o City tendo 9,5 milhões de fãs, e o United, 6,7 milhões. Barcelona e Real Madrid aparecem nos sexto e sétimo lugares, respectivamente. 

No Brasil, a pesquisa restringiu-se aos times da Série A. Depois de Corinthians e Flamengo, aparece o São Paulo, com oito milhões de torcedores. 

Torcida pesquisa sobre clubes nas redes sociais  (Foto: Reprodução / Twitter)
 
 
 
 

 

Chicão volta a trabalhar no Brasileiro após perder escudo Fifa

Após ter perdido o escudo Fifa, pela primeira vez o árbitro Francisco Carlos do Nascimento vai trabalhar em um jogo da Série A do Campeonato Brasileiro. É no domingo, às 17h (de Brasília), no Estádio Castelão, em São Luís. O confronto é Flamengo x Criciúma. Detalhe que Chicão já havia entrado no sorteio do jogo Atlético-MG x Flamengo, que acontece nesta quarta-feira. Mas não foi escolhido.

Mais Série A

Mais um alagoano trabalha na Série A. Quinta-feira, às 19h30 (de Brasília), no Maracanã, Flávio Feijó de Omena será o árbitro adicional 2 da partida Fluminense x Chapecoense.

Teste em PE

Oito árbitros alagoanos se submetem ao teste CBF na próxima quarta-feira, dia 26, em Recife: Raquel Ferreira Barbosa, Maria de Fátima Mendonça, Brígida Cirilo, Ana Paula, Dênis Ribeiro Serafim, Júlio César Farias, Aldrin Freire e Lennon McCartney Farias. Raquel e Fátima já fazem parte do quadro da CBF, mas ainda não fizeram o teste deste segundo semestre.

Por outro lado, estão se despedindo da arbitragem profissional os alagoanos Flávio Feijó de Omena e Carlos Jorge Titara da Rocha por completarem, em 2015, 45 anos.

 

Aperte Play e Curta o Som

.

                                                                                                                                                                  

Rebaixado, Botafogo tem a segunda pior campanha de um grande na história do Brasileiro de pontos corridos

A derrota para o Santos confirmou o rebaixamento do Botafogo para a Série B e ratificou uma das piores campanhas já feitas por um time grande na história do Campeonato Brasileiro. Para ser mais preciso, com os míseros 29,7% de aproveitamento de pontos, o Alvinegro se tornou o dono da segunda pior campanha de um grande na trajetória dos pontos corridos.

Apenas o Grêmio, em 2004, conseguiu ir ainda pior, com aproveitamento de apenas 28,2%. Depois dos gaúchos, já vem a equipe comandada por Vagner Mancini.

Na próxima e última rodada do Brasileirão, o time de General Severiano ainda pode piorar ainda mais este número, caso perca para o Atlético-MG. Se vencer, deixará o posto nada honroso nas mãos do Palmeiras.

Confira as piores campanhas dos grandes do Brasil na história do Campeonato Brasileiro dos pontos corridos, que culminaram em rebaixamento:

1 - Grêmio (2004) - 28,2% de aproveitamento

2 - Botafogo (2014) - 29,7%

3 - Palmeiras (2012) - 29,8%

4 - Vasco (2008) - 35%

5 - Atlético-MG (2005) - 37,3%

6 - Corinthians (2007) e Vasco (2013) - 38,5%

 

 

cinquentinha4

A LOTERIA OFICIAL DO NORDESTE

RADIO JOVEM PAN MACEIO

ESCUTE O RESULTADO DA LOTERIA POPULAR AQUI

CLIQUE AQUI  EM BAIXO

RADIO GLOBO AM.

Clique em baixo Para ouvi

  

A COPA DO MUNDO PERDE NA PESQUISA

 

 

Orçamento do governo prevê salário mínimo de R$ 788 em 2015

Aumento previsto para o salário mínimo é de 8,8% na comparação com o atual valor; impacto nas contas públicas será de R$ 22 bilhões

A ministra do Planejamento, Miriam Belchior, afirmou nesta quinta-feira, 28, que o reajuste do salário mínimo a partir de janeiro de 2015 será para R$ 788,06. O aumento será de 8,8% em relação ao valor deste ano, que é de R$ 724. O impacto para as contas públicas no próximo ano, segundo a assessoria da ministra, será de R$ 22 bilhões. Miriam entregou nesta manhã a peça orçamentária ao presidente do Congresso, senador Renan Calheiros (PMDB-AL).

Quando foi citar o novo valor previsto para o salário mínimo, de R$ 788,06, o ministro da Fazenda, Guido Mantega, se equivocou e acrescentou a palavra "mil" ao final. Os jornalistas que acompanham a coletiva de imprensa corrigiram e aplaudiram Mantega, que brincou com o seu erro: "Tem muito jornalista que ganha salário mínimo, não é".

O reajuste do salário mínimo tem como base a regra atual, que calcula o valor a partir da variação da inflação do ano anterior, além do desempenho do Produto Interno Bruto (PIB) de dois anos antes.

A ministra disse que a proposta orçamentária terá como eixo saúde, educação, combate à pobreza e investimentos em infraestrutura. Segundo ela, o presidente do Senado comprometeu-se a aprovar a proposta orçamentária até o final do ano, dentro do prazo legal.

Os ministérios de Dilma Rousseff que terão o maior aumento na previsão de despesas para o ano de 2015, segundo o projeto de orçamento, são os da Saúde, Educação e Cidades. A pasta da Saúde terá R$ 91,4 bilhões para gastar no ano que vem, uma alta de R$ 8,2 bilhões em relação a este ano. O ministério da Educação poderá gastar R$ 46,7 bilhões em 2015, uma alta de R$ 4,4 bilhões ante 2014. A pasta das Cidades terá um orçamento de R$ 26,3 bilhões no ano que vem, uma elevação de R$ 3,4 bilhões em relação a 2014.

Aldo Rebelo diz que atrasos em obras da Copa não podem se repetir na Olimpíada

O ministro do Esporte, Aldo Rebelo, disse nesta quarta-feira que o governo deve evitar para a Olimpíada de 2016 os prazos apertados enfrentados durante a Copa do Mundo no Brasil para finalização das obras.

- Temos de tirar lições da Copa do Mundo. Os atrasos não chegaram a comprometer, pois tivemos estádios funcionando plenamente nas 12 sedes, mas não precisamos passar pela tensão enfrentada na Copa. Queremos que o cronograma seja cumprido – declarou o ministro ao Diário de Pernambuco.

Presente na abertura oficial do IV Seminário de Estudos Olímpicos, na Universidade de São Paulo (USP), capital paulista, Rebelo afirmou que fez visitas ao Parque Olímpico no Rio de Janeiro e revelou que tanto o local que vai sediar o evento esportivo quanto a Vila Olímpica estão com as obras em curso.

Aldo Rebelo aproveitou também para fazer um balanço do Mundial de futebol no país.

- Tivemos êxito porque, mesmo com dificuldades, o Estado brasileiro correspondeu nos aeroportos, tráfego, na segurança pública e saúde. Foram muitas responsabilidades, divididas entre governos federal e estadual e prefeituras – observou Rebelo ao Diário de Pernambuco.

Em relação ao desempenho do Brasil nos Jogos Olímpicos do Rio, o ministro do Esporte crê que o país pode ficar no décimo lugar no quadro de medalhas. Já nos Jogos Paralímpicos, a perspectiva de Rebelo é mais positiva, acreditando que as chances são de ficar em quinto lugar.

 

Contratação de Wesley volta a expor divisão entre Muricy e vice de futebol

 

O volante Wesley assinou por três anos com o São Paulo, mas sua contratação não foi consenso no clube e provocou discussões entre membros da cúpula tricolor. De um lado, ficaram o presidente Carlos Miguel Aidar e o técnico Muricy Ramalho, que forçou a barra para que o atleta fosse contratado. Do outro, ficou o vice-presidente de futebol, Ataíde Gil Guerreiro, que não queria o atleta, mas foi obrigado a aceitar a sua chegada.

Desde o início, Ataíde questionou o custo-benefício da negociação. Argumentava que Wesley era um jogador de salário alto (cerca de R$ 280 mil mensais) e que não havia sentido pagar tanto por um jogador que vai brigar pela posição no meio-campo, já que os volantes titulares são Souza e Denilson. Além disso, o dirigente elogiou as outras opções para a posição: Hudson, Maicon e Rodrigo Caio, que se recupera de lesão no joelho esquerdo e logo estará à disposição.

Ataíde, porém, foi voto vencido. Muricy destacou a versatilidade de Wesley, que pode jogar em qualquer posição do meio-campo e ainda atuar como lateral-direito. Além de achar o jogador útil, Carlos Miguel Aidar viu mais uma oportunidade de dar uma estocada no desafeto Paulo Nobre,com quem se desentendeu após ter tirado Alan Kardec do Palestra Itália. Até hoje, os presidentes estão com as relações cortadas. 

O caso de Wesley é só mais uma farpa na relação entre Muricy Ramalho e Ataíde Gil Guerreiro, que já se estranharam várias vezes. A última foi quando o treinador pediu a contratação de Edu Dracena, do Santos, para a temporada 2015. O vice de futebol não concordou e vetou o atleta. Disse que, se fosse para trazer um zagueiro veterano, contrataria Lugano, que está sem clube desde a Copa do Mundo. Mesmo assim, afirmou que, apesar de todos no clube serem favoráveis ao uruguaio, ele é quem manda no departamento de futebol e, por isso, não o contrataria.

O dirigente também já teve uma conversa com o treinador para que ele pare de usar a imprensa para mandar recados sobre contratação de reforços. Muricy costuma dizer que os dirigentes precisam andar mais rápido para montar o elenco

É nesse clima que Wesley chegará ao São Paulo. Apesar de ter contrato com o Palmeiras até fevereiro de 2015, é grande a chance de ele ser liberado antes, para que o Alviverde economize R$ 500 mil, referentes aos dois meses de salários. Com isso, o meio-campista já deve realizar a pré-temporada no CT da Barra Funda.

 

São Paulo tenta a contratação de Cleiton Xavier para o lugar de Kaká

O técnico Muricy Ramalho tem na cabeça e na lista de reforços entregue à diretoria quem pode ser o substituto de Kaká no São Paulo. Um dos nomes que mais agrada ao treinador para reforçar o Tricolor na Taça Libertadores é o do meio-campista Cleiton Xavier, do Metalist, da Ucrânia.

Muricy trabalhou com o jogador no Internacional e no Palmeiras e o vê como uma boa alternativa para o setor de criação. Hoje, o elenco tem apenas Paulo Henrique Ganso com características de um armador. A princípio, Michel Bastos ficará com a vaga do pentacampeão, mas não possui o mesmo estilo de jogo.

Cleiton Xavier, de 31 anos, tem interesse em voltar ao Brasil para disputar o principal torneio do continente, mas esbarra em um longo contrato. O jogador está vinculado ao clube ucraniano até 2017 e depende da liberação dele por empréstimo para se transferir. O Tricolor descarta comprar os direitos econômicos.

Por outro lado, o São Paulo tem um aliado na concorrência com outras equipes brasileiras. O empresário Márcio Rivellino, que gerencia a carreira de Cleiton Xavier, também cuida dos negócios de Muricy Ramalho. O agente deve viajar para a Ucrânia nos próximos dias para tentar negociar com a direção do Metalist.

Apesar do desejo de voltar ao Brasil, Cleiton Xavier passa por bom momento no leste europeu. Em 14 partidas nesta temporada, ele fez nove gols, aparecendo em terceiro na lista de artilheiros do campeonato local. O clube, porém, não faz grande campanha e está apenas em sétimo lugar.

Muricy não abre mão de melhorar e aumentar o elenco para poder ganhar alternativas em meio a Libertadores. O primeiro reforço do Tricolor para o próximo ano é o lateral-esquerdo Carlinhos, destaque do Fluminense nas últimas temporadas.

 

 

 

 

 

Resultado da Mega sena.

dia 10/12/2014

08-17-34-38-42-51

CONCURSO DE  Nº 1660

1 Ganhador do Rio de Janeiro
 

 

Extração n. 04926

O BILHETE GANHADOR DO PRIMEIRO PRÊMIO FOI DISTRIBUÍDO PARA MAR VERMELHO/AL.
 
DOT
Prêmio Bilhete Valor do Prêmio (R$)
dot2 dot3 dot4
58.315 250.000,00
76.525 16.300,00
96.372 16.000,00
76.812 15.800,00
77.839 15.220,00

 

Alagoanos não enfrentam grandes na Copa do Brasil 2015

 

Os quatro representantes alagoanos na Copa do Brasil 2015 – CRB, ASA, Coruripe e Murici – não cruzarão com os chamados grandes do Brasil.

Isso rompe com a evidência dos últimos anos, uma vez que a Copa do Brasil deixou de ser desenhada por pedidos políticos e passou a privilegiar critérios técnicos.

O sorteio que acontece na próxima 2ª feira pela manhã na sede da Confederação Brasileira de Futebol (CBF) definirá os adversários dos alagoanos.

Mas antes mesmo do sorteio, Alagoas já sabe que está fora de ter na 1ª fase um dos gigantes do futebol brasileiro. Isso porque, os quatro representantes de Alagoas estão distribuídos em potes diferentes. O ASA está no pote C, o CRB está no pote D, no pote F está o Coruripe e no H encontra-se o Murici.

Maceió recebe em dezembro calendário recheado de corridas

Os corredores de rua podem comemorar, o mês de dezembro está recheado de provas de corrida, são oito desafios para corredor nenhum colocar defeito. O primeiro será nesse sábado, é a segunda etapa do Construa Saúde Corre. Serão 2,5km e 5km de circuito na Pajuçara e Ponta Verde. No domingo tem a quarta edição da Corrida do Dia da Bíblia, com 5km de percurso. Lembrando que na primeira semana de dezembro foi disputada a 7ª etapa do Circuito Popular de Corrida de Rua.

No dia 20 a Orla de Pajuçara vai receber a 25ª edição da Corrida da Engenharia (2,5km e 5km). Um dia depois, no dia 21, os corredores poderão escolher entre duas competições: a 3ª etapa do Circuito Run For Four Teen, dedicada aos corredores mirins da capital. A prova será realizada no estacionamento do Jaraguá. Também no domingo tem Campeonato Alagoano de Cross Country, serão 8km de corrida, o local da prova ainda não foi definido.

Para fechar o mês de dezembro, mais duas competições: no dia 27 é a vez da Praia do Francês receber a segunda edição do Running Night, com percursos de 3 e 6km. No dia 30 é o Maceió Run Fest que vai agitar o penúltimo dia do ano com muita corrida e diversão.

 

CRB 'segura' defesa que participou da Série C

 
 
A defesa titular do CRB que participou do Campeonato Brasileiro da Série C está mantida para a temporada 2015 depois que na manhã desta quarta-feira a direção regatiana chegou a um acordo com os zagueiros Gabriel e Daniel Marques, além de com o goleiro Júlio César.

O que causa surpresa nestas renovações é o nome de Júlio César porque chegou a ser tido como descartado pela própria direção alvirrubra. Por causa disso, Juliano, que defendeu o Galo praiano em 2011, foi anunciado como reforço na noite desta terça-feira. Agora, ao definir a permanência de Júlio César, o CRB passa a contar com cinco goleiros. Os outros quatro são Daniel, Cris, Bruno e Juliano.

Ainda sobre a defesa, já haviam renovado contrato o lateral-direito Paulo Sérgio e o lateral-esquerdo João Victor.

Mais um

E as renovações têm sido por atacado nesta quarta-feira porque no início desta tarde foi divulgada a permanência do meia Alex William, que vinha conversando com a diretoria nos últimos dias.

Agora o elenco regatiano chega a 16 jogadores visando a temporada 2015, que será preenchida com quatro competições: Copa do Nordeste, Campeonato Alagoano, Copa do Brasil e Campeonato Brasileiro da Série B.

O primeiro jogo oficial do time comandado pelo treinador Ademir Fonseca, na próxima temporada, é no dia 4 de fevereiro, contra o Globo, no Rio Grande do Norte, pela Copa do Brasil. Por posição, os jogadores do CRB agora são os seguintes:

Goleiros – Júlio César, Juliano, Bruno, Cris e Daniel
Laterais - Paulo Sérgio e João Victor
Zagueiros - Audálio, Gabriel e Daniel Marques
Volantes - Johnnattan, Olívio e Glaydson Almeida
Meias - Morais e Alex William
Atacante - Igor
 

Ceni vê São Paulo em encruzilhada e indica preferência pela Sul-Americana

 

O goleiro Rogério Ceni acredita que chegou o momento de o São Paulo escolher entre Campeonato Brasileiro e Copa Sul-Americana. Com o time muito desgastado fisicamente, o capitão entende que o Tricolor precisa priorizar uma das competições e dá a entender de que o torneio internacional deva ter preferência neste momento. 

– É um time que chegou ao limite do que pode dar. Só temos de enaltecer a dedicação de um time que está jogando meio e fim de semana. Chegamos agora numa encruzilhada e temos de decidir para onde ir – afirmou. 

 

Os números também indicam que a Sul-Americana pode ser o caminho do São Paulo na temporada. A três jogos do fim do Brasileirão, o São Paulo soma 66 pontos, quatro abaixo do líder Cruzeiro, mas com um jogo a mais. O Tricolor depende de uma série perfeita contra Santos (fora), Figueirense (casa) e Sport (fora) e contar com tropeços da Raposa diante de Grêmio (fora), Goiás (casa), Chapecoense (fora) e Fluminense (casa). 

Confiamos no apoio do nosso torcedor no Morumbi. É hora de coloca 50, 60 mil torcedores lá
Rogério Ceni

Na Sul-Americana, a chance de ir à decisão é bem maior. Depois da derrota por 1 a 0, em Medelim, o time precisa bater o Atlético Nacional por dois ou mais gols de diferença, quarta-feira que vem, no Morumbi. O vencedor deste duelo enfrenta Boca Juniors ou River Plate, na final.

- Confiamos no apoio do nosso torcedor no Morumbi. É hora de coloca 50, 60 mil torcedores lá – convocou Ceni. 

O técnico Muricy Ramalho também se mostra propenso a dar prioridade à competição internacional. Ele pretende colocar alguns reservas no clássico contra o Santos, neste domingo, em Cuiabá, pelo Brasileirão. Os atletas serão reavaliados no retorno ao Brasil, nesta sexta-feira. 

- Eu me sinto apto a jogar, mas é uma posição diferente. Cada jogador vai expor sua opinião de como está fisicamente. Temos de pensar - disse Ceni.

 

 
 

A CBF vai oferecer um salário mensal aos presidentes das 27 federações estaduais - os mesmos 27 que votam nas eleições para presidente da entidade e aprovam as prestações de contas nas assembléias da confederação. O mimo será de cerca R$ 15 mil mensais.

O presidente da entidade, José Maria Marin, confirmou em Viña del Mar, no Chile, onde participa de eventos da Conmebol, que vai sim pagar mensalmente aos presidentes das federações estaduais.

- Acho perfeitamente normal, é uma verba de representação. Os presidentes de federações têm despesas, têm viagens. Acho normal. Sobre o valor, prefiro que os presidentes (de federações) respondam a vocês.

O blog ouviu Delfim de Pádua Peixoto, presidente da Federação Catarinense de Futebol e futuro vice-presidente da CBF na gestão de Marco Polo Del Nero, que começa em abril do ano que vem. 

- Eu defendo, porque não é ilegal nem imoral. Algumas federações têm muita dificuldade, e para os presidentes que trabalham, é justo que se pague essa ajuda de custo - declarou o presidente da Federação de Santa Catarina.